fbpx
Top

Fim da automação no Instagram: o que não pode mais ser usado na plataforma?

Fim da Automação no Instagram

Fim da automação no Instagram: o que não pode mais ser usado na plataforma?

A automação no Instagram como costumávamos ver na rede social, deixou de existir. O Facebook anunciou, depois do escândalo do “vazamento” de dados do Facebook, que está acelerando a “inutilização” da API (Interface de Programação de Aplicações) do Instagram. Com isso alguns recursos, que são considerados irregulares pelo Facebook, serão retirados da plataforma.

Obs: Os recursos que serão retirados da plataforma são de ferramentas de terceiros. As ferramentas nativas do Instagram continuam funcionando normalmente.

O que o Instagram considera como irregular?

De acordo com Instagram, todo método que simule o comportamento do usuário por meio do uso de automações é irregular. Alguns exemplos de automações que vão ser banidas da plataforma são:

  • Web/Screen Scrapping;
  • Uso de APIs privadas;
  • Uso de AVD (Android Virtual Devices) para simular o comportamento humano;
  • Uso de automação on screen através de mobile farms, etc.

Diversos desenvolvedores utilizam a API do Instagram para desenvolver aplicativos e ferramentas para criar soluções de automação a serem usadas na plataforma. Para ser mais específico, são alguns exemplos de ferramentas consideradas irregulares pelo Instagram:

  • Ferramentas de automação no Instagram que simulam o comportamento de um humano;
  • Ferramentas para análise e geração de relatórios;
  • Ferramentas para avaliar fotos;
  • Ferramentas que te avisam quando alguém posta, segue ou deixa de seguir.

E o que muda a partir de agora?

Visando aperfeiçoar a segurança e privacidade dos usuários, o Instagram decidiu fazer algumas mudanças para manter a plataforma mais segura. De acordo com o Instagram, alguns recursos serão desabilitados de forma imediata e outros serão feitos seguindo a timeline de mudanças compartilhada pela plataforma.

Então, quais recursos vão deixar de existir na API do Instagram?

  • Seguir, (des)seguir automaticamente;
  • Comentar automaticamente;
  • Dar likes e (des)likes automáticos;
  • Seguir a lista de pessoas específicas;
  • Seguir a lista de quem segue uma pessoa específica;
  • Postar e deletar comentários em conteúdo público;
  • Postar e deletar comentários em seu próprio conteúdo;
  • Ler as informações de um perfil público e adquirir suas imagens;
  • Receber notificações quando alguém posta.

Essas mudanças já estão ativas na plataforma. O único recurso que será mantido, até o início de 2020, é a possibilidade de ler as informações do usuário e suas publicações.

Relembrando que esses recursos só deixaram de existir em aplicativos de automação de terceiros. Os recursos nativos do Instagram continuam funcionando normalmente.

Isso vai interferir no uso do Instagram?

Se você utiliza apenas os recursos nativos do Instagram, nada vai mudar! Porém, as ferramentas de automação no Instagram que possuem algum dos recursos listados acima serão diretamente impactadas e não poderão mais utilizá-los.

Ainda será possível trabalhar com automação, porém não utilizando a API oficial do Instagram. Entretanto, como não é oficial, esse truque não é aprovado pelo próprio Instagram, portanto o recomendado é pausar as automações e procurar a ferramenta que você utiliza para saber se os recursos utilizados estão dentro das novas regras do Instagram.

Se a automação no Instagram chegou ao fim, qual deve ser o foco agora?

Antes de qualquer coisa, o foco deve ser sempre criar estratégias reais para conquistar novos seguidores e engajá-los. Os números são atraentes sim, mas ter um grande número de seguidores fantasmas não ajuda em nada, estrategicamente falando, é claro.

A boa notícia é que o Instagram possui duas versões de API. A primeira foi desativada, mas a nova versão possui alguns recursos muito interessantes. Só tem um detalhe: para utilizar os novos recursos da API do Instagram, você precisa ter uma conta de negócios, ok?

Recursos da nova API do Instagram:

  • Agendamento de Posts continua funcionando perfeitamente;
  • Descobrir e ler as informações de perfil (e posts) de outros perfis de negócio;
  • Menções: ler menções públicas e publicar comentários como página de negócio onde o negócio foi marcado ou mencionado;
  • Insights: entender e analizar métricas importantes sobre seu perfil no Instagram;
  • Moderação de comentários: analisar e interagir com comentários em massa nos posts do Instagram;
  • No início de 2019, alguns desses recursos estarão disponíveis também para pessoas físicas.

O que isso quer dizer: menos foco nos números e interações externas e mais foco para as análises e interações conquistadas com estratégias reais.

E aí, ficou claro o que mudou no Instagram? Se tiver ficado alguma dúvida, deixe seu comentário abaixo e fique bem informado sobre o fim da automação no Instagram e as novas regras da plataforma.

2 Comments
  • Mara
    20 de novembro de 2018 at 19:11

    Qual a data do artigo?

Publique um comentário.

14 − dez =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.